o que é renda fixa?

O Que é Renda Fixa? Entenda e Diversifique Os Seus Investimentos

Não sabe o que é e quais as características da renda fixa? Confira neste artigo!

Você sabe o que é renda fixa? Talvez seja um termo que já ouviu falar muitas vezes, mas nunca foi a fundo para entender como funciona. 

Trata-se de um tipo de investimento com rendimentos previsíveis, ou seja, mais estável e seguro. Isso porque o seu retorno é fixo, podendo ser baseado em um percentual mensal ou seguir algum índice, como a LCI (Letra de Crédito Imobiliário), LCA (Letra de Crédito do Agronegócio), CDB (Certificado de Depósito Bancário) ou a inflação. 

A renda fixa é muito procurada por pessoas que não possuem uma reserva de emergência ou não precisarão daquele dinheiro a curto prazo. 

Ela também é ideal para você que está iniciando no mundo dos investimentos agora e não possui tanta experiência neste ramo.

Para entender mais sobre o assunto e conhecer as características desse investimento, continue lendo este artigo!

O que é renda fixa?

A renda fixa é um tipo de investimento capaz de prever, antes mesmo de aplicar, o prazo do retorno, as taxas de rendimento ou o índice que será usado para valorizar o dinheiro que foi investido.

Esse investimento é indicado para um perfil de investidor conservador, que tem receio de aplicar em uma renda variável (que possui um retorno imprevisível), por exemplo.  

Em resumo, é um dinheiro que você “empresta” para alguém que devolve o valor aplicado no futuro com acréscimos de juros, dependendo da base de cálculo que ele foi aplicado. 

Os emissores de títulos desse tipo de investimento, ou seja, quem pega esse dinheiro “emprestado”, podem ser bancos, empresas ou o próprio governo. Esses documentos são parecidos e podem variar dependendo do tipo de ação.

Tipos de aplicações da renda fixa

Como já citamos anteriormente, nos investimentos em renda fixa existem alguns indicadores que servem como referência para a base de cálculo do retorno do dinheiro investido. 

Entre os principais estão:

Tesouro direto — Títulos Públicos

É o tipo de rendimento ideal para quem deseja sair da poupança e aplicar o dinheiro em um investimento previsível e com baixos riscos. 

Ele é um programa do Tesouro Nacional para comercialização de títulos públicos federais, em que o governo coloca esses títulos no mercado em troca de dinheiro para pagar as suas dívidas. 

Esse programa foi lançado em 2002 e tem como objetivo popularizar o acesso a esses títulos públicos, podendo investir a partir de R$30,00. 

CDB (Certificado de Depósito Bancário)

O CDB é uma aplicação emitida pelos bancos, visando captar recursos para financiar as suas atividades. Ou seja, da mesma maneira que o governo pega o dinheiro “emprestado” para pagar as suas dívidas, as instituições financeiras também usufruem dessa possibilidade. Além disso, os recursos são usados pelos bancos para conceder empréstimos a outras pessoas.

Sendo assim, os bancos captam dinheiro com os CDBs oferecendo em troca uma remuneração — os juros — aos investidores por um determinado período. 

No entanto, é importante ter em mente que é mais favorável investir em bancos menores do que naqueles que são maiores. Isso porque a rentabilidade dos títulos pode ser mais vantajosa na maioria das vezes. 

LCI e LCA

Essas duas siglas são muito parecidas, mas possuem significados diferentes. 

A LCI (Letra de Crédito Imobiliário) está relacionada com o dinheiro utilizado para os financiamentos do ramo de imóveis, ou seja, são recursos captados pelos bancos, onde as aplicações serão direcionadas para financiar empreendimentos e atividades do setor imobiliário. 

Já a LCA (Letra de Crédito do Agronegócio) também é um título emitido por instituições financeiras, mas o foco do investimento é financiar atividades do agronegócio. 

Assim como para a LCI, a taxa de rentabilidade e a data de vencimento são definidas no momento da compra.

Vantagens do investimento em renda fixa

Esse tipo de investimento é ideal para proporcionar a formação de um patrimônio e para quem deseja viver de renda e ter mais segurança para o seu dinheiro.

Existem diversas vantagens de investir em renda fixa que podem ser muito atrativas para os investidores mais conservadores e para aqueles que estão iniciando no mundo das finanças. 

Veja as principais vantagens a seguir:

  • rentabilidade: existem ativos que pagam até 100% do CDI (Certificado de Depósito Interbancário);
  • segurança: boa parte dos investimentos em renda fixa são mais seguros que a poupança;
  • facilidade: negociações simples, práticas e online;
  • acessibilidade: pode investir a partir de R$ 30,00;
  • diversificação: esse tipo de investimento pode ajudar o investidor a reduzir os riscos da aplicação.

Para que você tenha rendimentos e consiga garantir essa renda no final do mês, é fundamental saber gerenciar os seus investimentos. 

Por isso, para saber mais sobre esse assunto, leia o artigo: o que é gestão de investimentos e como funciona?

Gostou ? Que tal compartilhar com os amigos ....

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Deixe aqui seu comentário ...

Assine nossa newsletter
com conteúdo exclusivo.